Imprimir

Feira do Fumeiro do Demo mostrou o melhor das nossas tradições

938

Com um saldo muito positivo que superou as expetativas, apesar das más condições climatéricas, a 7ª edição da Feira do Fumeiro do Demo apresentou uma vez mais, este passado domingo, 11 de março, o melhor da região e das nossas tradições.

O Parque Urbano de Touro é, indubitavelmente, o local que se associa à realização da Feira da Fumeiro do Demo e, este ano não foi exceção. Devidamente munido de duas tendas que, atendendo às condições desfavoráveis, acolheram cerca de 70 expositores de fumeiro, queijos, pão caseiro, trigo de ovos, mel, doces e licores, entre outros, numa mostra de produtos típicos da região e de outros pontos do país.

A arruada da Fanfarra de Touro deu início à abertura oficial da feira que foi presidida pelo autarca paivense José Morgado, pelo Presidente da Assembleia Municipal, José Manuel Rodrigues e pelo Presidente da Junta de Freguesia de Touro, Mário Jorge Morgado. O padre António Duarte procedeu à bênção do certame.

O Presidente da Junta de Touro aproveitou a ocasião para apresentar a nova imagem da freguesia, “Touro em Movimento” e para inaugurar a zona wi-fi no Parque Urbano, no âmbito de uma parceria com uma empresa local que vai permitir uma cobertura total de rede de fibra ótica na freguesia e uma nova antena de captação de rede móvel.

Seguiu-se a prova de fumeiro dos vários produtores presentes e a visita aos stands pelas entidades onde constaram autarcas de municípios vizinhos como Sátão, Penalva do Castelo e Aguiar da Beira e o Presidente e o Secretário da CIM Viseu Dão Lafões. O espaço de restauração não teve “mãos a medir” para acolher os visitantes que quiseram apreciar os pratos à base de carnes e fumeiro.

O Chef Hugo Marques dinamizou o momento de showcooking, apresentando receitas com enchidos da região.

O certame teve a animação itinerante das Marias Malucas, Romeiras de Portugal e as atuações dos Bombos de Pendilhe, do grupo de concertinas Amigos de Se Ver e do grupo musical Solidó que apresentou um reportório de música tradicional portuguesa. O Rancho Folclórico do Centro Cultural da Guarda mostrou as tradições e folclore da sua região.

José Malhoa encerrou o certame com um grande espetáculo, cheio de boa-disposição e com o público a cantar as suas canções mais conhecidas.

842 861 866 870 871
872 879 881 884 885
891 893 897 905 910
914 921 925 928 929
932 934 938 941 944
954 945 948 958 974
961 968 971 977 986
984 994 999 1002 1004
1006 1010 1013 1014 1016
1018 1030 1036 1039 1040
1045 1052 1061 1064 1068
1081 1074 1083 1086 1090
1110 1123 1127 1137 1157
1163        

Reportagem - Diário de Viseu